como tirar o visto americano passo a passo

Diversos países exigem vistos para brasileiros, mas isso não significa que seja um problema ou um empecilho pra você viajar.

Na maioria das vezes, a obrigatoriedade do visto de turista é apenas uma mera formalidade, resolvida com uma ida à Embaixada ou Consulado. Em alguns casos, basta o preenchimento de formulários online ou até mesmo o pagamento de uma taxa na chegada ao aeroporto (visa on arrival) para garantir o carimbo no passaporte.

No entanto, a emissão de vistos para brasileiros está sujeita aos critérios de cada país, que possuem soberania para aceitar ou negar a entrada de turistas.

Os países mais comuns como destino dos brasileiros que precisam de visto são: Austrália, Angola, Cabo Verde, Camboja, Canadá, China, Coreia do Norte, Cuba, Egito, Estados Unidos, Etiópia, Guiné-Bissau, Índia, Irã, Japão, Jordânia, Laos, Líbano, Moçambique, Taiwan.

Uma curiosidade: embora a Guiana Francesa seja uma região ultramarina da França, brasileiros precisam de visto porque o país não faz parte do chamado “espaço Schenghen”.

Bom, mas pra você que vai viajar pros Estados Unidos, vamos mostrar como tirar o visto americano passo a passo. Vem com a gente.

A primeira coisa a saber é que há vários tipos de visto para os EUA:

B-1: visitante a negócio

B-2: visitante a passeio (turista)

C-1: trânsito

F-1/F-2: estudante

J-1/J-2: programa de intercâmbio

M-1/M-2: estudante vocacional

Para saber qual é o seu visto é preciso saber qual o objetivo da sua viagem. Se é para negócios, para turismo, para estudo, etc. E então, solicitar o visto correspondente.

qual é o valor?

Os vistos B1/B2, C1/D, F, M e J não exigem petição, por isso, a taxa de solicitação é de US$ 160.

Para algumas cidades do Brasil o consulado cobra uma taxa para a entrega do passaporte, que, nesses casos, não está incluso no valor.

tirando o passaporte

O primeiro passo é preencher um formulário chamado DS-160 que está disponível no site da embaixada americana:

https://ceac.state.gov/genniv/

E aí você vai ter que escolher onde você vai solicitar o seu visto, se vai ser em São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Brasília ou Recife. Preencha tudo direitinho com dados atualizados e verdadeiros e vá salvando todas as etapas. Inclusive, anote o número do ID application correspondente ao número de seu processo porque você pode precisar dele caso a página se feche ou dê algum problema.

No segundo passo você vai pagar a taxa de solicitação de visto e agendar duas etapas. A primeira delas é a sua visita ao CASV (Centro de Atendimento do Solicitante de Visto) e a segunda é a famosa entrevista.

Bom, para fazer isso você vai acessar o link da página de agendamento https://ais.usvisa-info.com/pt-br/niv , criar uma conta e pagar a taxa de 160 dólares. Só então você vai poder agendar sua ida ao CASV e também a sua entrevista.

Os únicos casos para os quais não são exigidos agendamento de entrevista são para menores de 14 anos, para maiores de 79 anos ou para solicitantes que tenham um visto vencido nos últimos 12 meses. Nesse caso, o visto tem que ser da mesma categoria que você já tinha e você não pode ter tido nenhum visto negado anteriormente.

O terceiro passo é ir ao CASV. Lá eles vão tirar uma foto sua e também colher suas impressões digitais. Nesse dia, você não pode esquecer do passaporte e da confirmação da solicitação de visto.

O quarto passo é o dia da tão temida entrevista. No local, não são permitidos nem bolsas nem celulares. você vai levar apenas os documentos necessários:

– passaporte;

– confirmação da solicitação do visto;

– documentos que comprovem seu vínculo com o Brasil, como declaração de imposto de renda, carteira de trabalho, extrato bancário, escrituras dos bens que você tem aqui no país e qualquer outro que você ache que possa ajudar nesse momento.

Responda com tranquilidade, sinceridade e também com dados atualizados.

Muito importante que as respostas que você der no momento da entrevista sejam exatamente as mesmas que você colocou lá no formulário do primeiro passo. Qualquer contradição pode ser uma chance bem grande de você ter o seu visto negado.

Mas se você fizer tudo certinho e realmente conseguir comprovar o seu vínculo com o Brasil, as chances de você ter seu visto aprovado são bem grandes.

Agora é só esperar o seu passaporte chegar com o visto americano 🙂

Ele vai chegar na sua casa ou então no CASV. Isso vai depender da forma de entrega que você escolheu durante o processo.

Ah, e mesmo que você não consiga o visto de primeira, não se desespere. Continue tentando. É um processo chatinho mas necessário.

Gostou? Se tiver alguma dúvida, é só falar com a gente! Fonte: “SCIREA, Bruna. Melhores Destinos. Como tirar o visto americano passo a passo.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Compartilhe este post

Mais Posts